Sobre Mim

 Eu rev 1

 

“Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina”

Cora Coralina

 

Roberto Akira Sugai é o meu nome. Tenho 66 anos e sou químico pela Unicamp, turma de 1977. Trabalhei 35 anos na indústria química no setor de tintas automotivas OEM, nas áreas de desenvolvimento de produtos, sistema da qualidade e marketing. Sou aposentado desde 2009 e nestes últimos tempos, tenho trabalhado prestando consultorias nas áreas de tecnologia de tintas, negócios e qualidade, com ênfase na metodologia 6 Sigma.

A finalidade deste site é compartilhar os conhecimentos que adquiri ao longo do tempo. Faço isso de modo franco e sincero, desprovido de qualquer intenção a não ser a partilha do conhecimento. Conhecimento acumulado e não compartilhado, não serve para nada, é um desperdício.

Quisera eu ser feliz e aprender fazendo isso.

 

 

 e-mail de contato: akira@japudo.com.br

 

 

119 ideias sobre “Sobre Mim

  1. Prezado Eng. Roberto Akira:
    PAZ E BEM !
    È Sempre prezeroso ver teu site, e hoje gostaria de saber se você pode me ajudar numa dica , que é seguinte: moro no interior de sp e tenho extrema dificuldade para
    comprar tarraxa blindada para violão, manipulo e bucha americana
    cônica auto roscável, usadas em formas e em cortador. Esporadicamente vou a São Paulo , mas não conheço quase nada,
    seria possivel você me dizer as ruas onde posso comprar tais componentes? gratissimo pela atenção francisco

    • Olá Franscisco.
      Para comprar a tarracha para cordas de violão ou guitarra vc pode se concentrar na Rua Santa Efigênia. Tem as seguintes lojas que com certeza vc vai encontrar:
      1- PlayTech, Rua Santa Efigênia 250, http://www.playtech.com.br/ch/index.aspx
      2- Santec, Rua Santa Efigênia 186, http://www.santecsomprofissional.com.br/shop/
      3- Tango Instrumentos Musicais, Viaduto Santa Efigênia 255, http://www.tangomusic.com.br/home
      Nas proximidades destas duas últimas, tem mais algumas lojas.Melhor pesquisar os preços antes de comprar. Já encontrei diferênças de mais de 50%.
      O parafuso e as porcas internas, vc encontra na M Bastos Parafusos, Rua do Gasometro 433.

      Espero que te ajude.
      Roberto Akira

    • Sr. Roberto,
      muito obrigada por partilhar seu conhecimento sobre os maravilhosos sabões. Vinha fazendo há 3 anos, mas, apesar de haver pesquisado aqui e ali e mesmo comprado 2 livros americanos, havia dúvidas simples que ninguém me sanava. Desde que achei seu blog não tenho “errado” mais nenhuma receita!
      Um abraço e muita paz!
      Silvia Cisotto

      • Boa noite!
        Parabéns por compartilhar seus conhecimentos e sua sensibilidade.
        Tenho abusado de seus conhecimentos e suas dicas, sou curiosa e me aventuro na fabricação de sabonetes , frio minhas próprias essências ,através da maceração de ervas que planto em meu quintal, estou desenvolvendo um sabonete anti-inflamatório com uma erva da minha região , já está em fase de testes .
        Sou grata ,Deus lhe abençoe sempre.

    • Simplesmente amei o pouco que li e vi neste site!
      Certamente irei revira lo toda vez que tiver um tempinho…
      Parabéns por compartilhar seu conhecimento!
      Se todos pensassem assim o mundo seria melhor…

  2. Sr. Akira,

    Parabéns! Fiquei muito feliz em conhecer o seu novo trabalho. O Site ficou ótimo, apresentação excelente e conteúdo de primeira linha, como todos os trabalhos que o Sr. executa.

    Abraço,
    Gláucia Chaves

  3. Olá Roberto Akira! Que linda a sua atitude…partilhar em troca de nada! Obrigada pela ajuda que me tem dado…e um excelente 2013! :) Muita saúde e paz! :)

  4. Não podia ficar de fora! Akira, iniciativas como este de partilhar informações de forma integra, sem manipulações ou tendencias é muito difícil de se encontrar. Parabenizo por sua escolha e atitude de passar adiante o que se pode ter de mais valioso.

    Parabéns e feliz 2013, 2014, 2015…

  5. Olá Roberto,

    Estou muito grata por este site. Sou iniciante em saboaria. O senhor é muito sábio e presta um grande serviço em partilhar seu conhecimento.
    Gostaria de saber se o senhor vende estes moldes que fabricou.
    Grata
    Renata

    • Olá Renata!
      Que ótimo o seu interesse na saboaria artesanal! O objetivo é justamente esse, abrir caminho para que mais pessoas conheçam e queiram fazer este artesanato. Tudo que está no site e no Flickr não estão à venda, são para o meu uso e para a divulgação da saboaria artesanal.
      Não sei se chegou a ver, na página de download estão disponibilizados os desenhos e instruções para fazer os principais equipamentos. De posse disso o mais simples marceneiro não terá dificuldades de fazer os moldes. Mesmo uma pessoa que goste de fazer trabalhos com madeira não teria dificuldade de fazer.

      Qualquer dúvida me contate.
      Obrigado

  6. Roberto Akira Sugai empenha à palavra generosidade um sentido concreto especial e úinico.
    E melhor ainda, com base e curisidades cieníficas, competência e comedimento.

    Quem bom que seres humanos caridosos com Robeto Akira Sugai de facto existem !!.

    Abraços,

    Att,

  7. Obrigada Sr. Eng.º, você é mesmo o máximo que é como se diz em Portugal, a uma pessoa como você, que pena estar tão longe!!! O Mundo era mto diferente se houvesse mais pessoas como o Sr. Bem haja.

  8. Ola Sr. Roberto Akira.
    Achei muito interessante seu site, parabens! Eu produzo velas no sul do estado do rio, voce saberia me dizer, onde posso adquirir a cera de abelha, e se existe algum curso sobre a manipulacao da mesma? atualmente produzo velas a partir da parafina e da cera de palma, voce teria alguma informacao sobre essa segunda, a cera de palma (tb cursos ou links)

    Muito obrigada!!
    Abracos

    • Daniela,
      Obrigado!
      Aí no Rio, não saberia te dizer onde vc pode comprar a cera de abelhas. No site tem uma relação de fornecedores de SP.
      Não sei de curso para o nanuseio e também não conheço a estearina de palma pois nunca fiz velas com este material.

  9. Ola chara bom dia como vai…espero que muito bem, venho para lhe dizer que foi com grande prazer conhece-lo por aqui tb temos algo em comum pois tb sou aposentado e tenho 67 anos sou paulistano porem já vivo em Minas Gerais desde 1981 moro na cidade de Monte Verde uma pequena vila alpina 1.600 a 2065 (Pico do Selado) meu ramo sempre foi o do comercio porem tb possuo uma propriedade rural aqui perto de Monte Verde onde tenho uma criação de trutas cuidadas pelos meus 2 filhos o sitio Mandaçaia. Sempre tive muito interesse em saber mais sobre sabões pois quando ainda bem pequeno minha mãe fazia sabão os quais em vendia aos vizinhos. Muito se passou fui morar na Europa e acabei vivendo ao longo de 7 anos lá sendo que 6 anos na Holanda pois desposei uma mulher holandesa, voltei para o Brasil no ano que vc se formou na USP em 1977. Achei-o uma pessoa bem legal gosto muito de japoneses minha religião é Budista sou vegetariano so como peixes e tb uso algum laticinio. Estamos direcionando nosso sitio para atender turistas pois como produtor rural não conseguimos ganhar nada, sou tb conhecedor e cultivo plantas medicinais e preparo chás de ervas e tinturas a base de etanol e glicerina vegetal para tratamentos de varios problemas de saúde. Roberto foi um grande prazer poder ter te conhecido. Grande abraço e se puder e quizer vir algum dia fazer uma visita moro em Monte Verde na Av. Sol Nascente, 1734. Minas Gerais.

  10. Ola chara bom dia como vai…espero que muito bem, venho para lhe dizer que foi com grande prazer conhece-lo por aqui tb temos algo em comum pois tb sou aposentado e tenho 67 anos sou paulistano porem já vivo em Minas Gerais desde 1981 moro na cidade de Monte Verde uma pequena vila alpina 1.600 a 2065 (Pico do Selado) meu ramo sempre foi o do comercio porem tb possuo uma propriedade rural aqui perto de Monte Verde onde tenho uma criação de trutas cuidadas pelos meus 2 filhos o sitio Mandaçaia. Sempre tive muito interesse em saber mais sobre sabões pois quando ainda bem pequeno minha mãe fazia sabão os quais em vendia aos vizinhos. Muito se passou fui morar na Europa e acabei vivendo ao longo de 7 anos lá sendo que 6 anos na Holanda pois desposei uma mulher holandesa, voltei para o Brasil no ano que vc se formou na USP em 1977. Achei-o uma pessoa bem legal gosto muito de japoneses minha religião é Budista sou vegetariano so como peixes e tb uso algum laticinio. Estamos direcionando nosso sitio para atender turistas pois como produtor rural não conseguimos ganhar nada, sou tb conhecedor e cultivo plantas medicinais e preparo chás de ervas e tinturas a base de etanol e glicerina vegetal para tratamentos de varios problemas de saúde. Roberto foi um grande prazer poder ter te conhecido. Grande abraço e se puder e quizer vir algum dia fazer uma visita moro em Monte Verde na Av. Sol Nascente, 1734. Minas Gerais.

    • Olá Roberto,
      Obrigado por suas palavras. Uma satisfação tb em conhece-lo. Espero um dia poder estar em Monte Verde que muito ouço falar da beleza do lugar.
      Agradeço pelo convite e sem dúvidas, estando aí, terei o prezer de conhece-lo pessoalmente.
      Até mais e felicidades!

  11. Chara errei na faculdade em que vc se formou que foi na Unicamp onde tb tive algum amigo na area do cultivo de Plantas Medicinais o Pedro Melillo e o Mario Donalisio. Tambem por acidente foi postado meu comentario 2 x e não consegui apagar 1. Grande abraço amigo.

  12. Ps tb gosto muito de fazer velas artesanais pois sempre tenho alguma cera de abelha pelo fato de que tb lá no sitio possuimos algumas colmeias. Abraço uma vez mais. Boa sorte.

  13. Boa tarde,

    Quero dar-lhe os parabéns pela sua página, muito interessante e acima de tudo a forma honesta como passa a sua sabedoria.
    Vivo em Portugal e gostaria de iniciar-me nesta arte, tenho lido sobre o assunto e cada vez tenho mais curiosidade, acontece que não sei onde comprar as coisas necessárias, será que me pode dar uma dica? Obrigada e mais uma vez obrigada.

    • Olá Fatima,
      Obrigado!
      Se vc está em Portugal nada melhor do que participar no grupo chamado Saboaria, no facebook de Portugal. É um grupo fechado, vc pede adesão para participar. Tem mais de 600 pessoa de Portugal e do Brasil que estão lá inscritos. Para quem começa é excelente tem todas as informações de que vc precisa

      http://www.facebook.com/groups/saboaria/

  14. Sr. Roberto boa tarde, sem querer descobri seu site, fiquei feliz em saber que existem pessoas que pensam e agem como o senhor, parabéns! Preciso se possível de sua ajuda. Sempre acumulamos pequenas quantidades de óleo de uso alimentar ao qual de tempos em tempos produzimos o “sabão caseiro” que alias é o único que realmente consegue eliminar as gorduras das toalhas que alugamos em nossa Empresa. Estou procurando moldes para comprar para produzir nosso sabão em pedaços. Qual seria o melhor material para construir? Tenha uma boa tarde. Aguardo José Augusto Stori – Santo André/SP.

  15. Bom dia!!
    Não sei porque mas não fiquei tão surpresa ao descobrir sem querer este site, eu não esperaria outra coisa de um homem cuja generosidade e inteligencia eu conheço a muito tempo, afinal se hoje sou uma profissional mais respeitada devo muito disso a você!!
    Parabéns e estarei sempre por aqui apenas como curiosa é claro , mas é sempre muito bom aprender com você.
    Maria de Fátima Thobias

  16. Boa noite,
    Sou estudante de um curso tecnico de Química, e já faço sabonetes artesanais a um certo tempo. Estou estudando, adorando Química e principalmente a arte de saboaria. Fiquei muito entusiasmada com as suas orientações nesta área.
    Como várias pessoas que deram depoimentos, gostaria de sair do anonimato e futuramente, como química, assinar os meus produtos. Isto é possível?
    Você realmente é muito bondoso, pois passa o seu conhecimento de uma forma simples e generosa. Quero manter contato!!!
    Bjs. Célia Regina – Osasco – SP

    • Olá Célia!
      Você fala em regularizar uma possível atividade de saboaria. O processo é quase impossível de fazer, custa muito caro e tem inúmeras dificuldades, não se engane, é muito difícil.

  17. Akira,
    Desculpe não chamá-lo de senhor…engenheiro…. e simplesmente Akira….! Depois de tantos anos que te conheço…. Trabalhando na indústria química com tanta competência, não poderia deixar de elogiar seu trabalho, sua generosidade, que não me é surpresa, pois sempre foi assim…. Mas tenho que agradecer todo o conhecimento que me passou e fico muito Feliz por continuar dividindo suas experiências, aprendizados e conquistas com todos ! Vocè é um exemplo de Ser Humano ! Obrigada por fazer parte de todo meu aprendizado profissional e de vida! Parabéns pelo seu trabalho, energia e solidariedade!
    Continuarei aprendendo contigo….sempre….! Parabéns!!!!
    AnaPaula

    • Ana Paula, minha querida!
      Muito obrigado por tantas palavras gentis, o que demonstra a grandeza da sua generosidade. Você sempre foi assim carinhosa e despreendida, o tempo passa e vc continua ser a mesma pessoa de grande coração!

      um grande abraço!

  18. Roberto Akira,
    Gostei muito de conhecer o seu site e a sua disponibilidade em disseminar o seu conhecimento, parabéns. Tenho muito interesse em aprender sobre a saboaria artesanal, para produzir os meus próprios sabonetes. Moro em Belo Horizonte e se possível, gostaria de indicações de cursos. Um abraço.

    • Rosilene,
      Obrigado!
      Eu não conheço alguém que esteja dando curso de sabaoaria artesanal em BH e região.
      Os cursos naormalmente sao oferecidos aqui em SP, e destaco o curso da Beth Bacchini. É claro que para vc se deslocar desde aí, é compliacdo, eu sei.
      Muitos começam a fazer a saboaria sem ter cursos, é uma questão de tentar fazer um sabão e começar a aprender deste modo, lhe garanto que não é complicado, tente fazer e vc vai constatar isso. Posso lhe ajudar a dar os primeiros passos.

  19. Sr. Roberto Akira,

    Esse CAMINHO literalmente é abençoado… me trouxe na manhã de hoje a este “templo” de conhecimento compartilhado… Agradeço pela oportunidade de aqui abastecer-me de conhecimento na essência. Obrigado quanto a sua forma desprovida e extremamente humilde de dividir vosso conhecimento…

    • Olá Gabriela,
      Eu nao vendo produtos e nem equipamentos. Todavia está tendo uma grande procura pelos cortadores e eu estou reprojetando dois cortadores e um deles é o multiplo, acho que em 10 dias poderie disponibilizar para a venda. Por favor, aguarde.

  20. Sr. Roberto, é muito gratificante saber que num mundo tão complicado e cheio de pessoas egoista, exista uma pessoa como o Sr. Creio que isso seja um dom divino. pois são poucas as pessoas que pensam em ajudar o próximo sem interesse. Seria muito bom que o mundo tivesse mais Robertos como o sr. com atitudes nobres. com certeza nosso mundo seria melhor. Parabéns! Que Deus continue lhe abençoando e ampliando mais e mais sua capacidade de aprender e ensinar.

  21. Sou visitante e leitora de muitos blogs, mas nunca fui de comentar em nenhum deles. Não tive como não comentar nessa sua página tão rica de conhecimento e generosidade.

    Estou agora priorizando produtos mais naturais e vegetais possíveis e estou estudando para iniciar um projeto de fabricação dos meus produtos de uso pessoal e de limpeza tb.

    Tem bastante coisa na internet a esse respeito, mas ainda não tinha encontrado alguém que explicasse tão bem não somente a respeito do processo de fabricação em si de sabonetes, mas tb do processo de transformação química por trás disso tudo.

    Sou bastante curiosa e realmente gosto dos detalhes desse processo. Embora não tenha nenhuma formação em química (sou engenheira de software), esse processo todo de reação e transformação tem atraído muito o meu interesse.

    Esse é só um comentário de elogio e agradecimento ao seu trabalho.

    Te desejo ainda mais sucesso!

  22. Olá Roberto!

    É um prazer contatá-lo! Dez anos atrás tive grande interesse na confecção de sabonetes utilizando cristais de quartzo e óleos essenciais. Apesar de ser um presente para o espírito dedicar-me a isso, não cheguei a produzir sabonetes 100% naturais, sempre foram sabonetes glicerinados e sem lauril. Fiz algumas oficinas com crianças portadoras de algumas dificuldades mentais e físicas onde a intenção era a de despertar os sentidos .Hoje ao fazer uma pesquisa a fim de retomar essa atividade e encontro você compartilhando tudo isso! Seu gesto é de imensa riqueza e posso dizer que farei o possível para retribuí-lo, não deixando que tal conhecimento fique perdido., mesmo ciente de que há muito o que praticar antes de ensinar. Finalizo meu agradecimento feliz com a possibilidade de fazer algo 100% natural e ter encontrado alguém na Net com tamanha transparência e generosidade! Muita paz e luz à você! Grande abraço!

  23. Chefe Akira, vc sempre surpreendendo, site excelente. Parabéns pelo trabalho. Aprendi muito contigo, e continuo aprendendo…
    Forte Abraço
    Renato.

  24. Boa tarde Senhor Akira.
    Como vai?

    Descobri o seu site no dia de hoje, e estou muito grato por nos compartilhar um pouquinho do seu conhecimento.
    Estou interessado no sistema de gotejamento utilizado no experimento do photoduino.
    Existe a possibilidade de conversarmos por telefone ou skype?

    Muitíssimo obrigado
    Luiggi

  25. Prof. Roberto un gusto conocer su página y ver todo lo que ha creado, desde hace seis meses estoy investigando y probando hacer jabón artesanal en Caracas, Venezuela y en su página he aprendido mas en dos días que todo el tiempo anterior!
    Agradezco su amabilidad al compartir sus conocimientos tan desinteresadamente, como usted creo que es un desperdicio aprender algo y guardarlo. Amo enseñar lo que sé!
    Mis experimentos han prosperado y ahora estoy ubicando aceite de palma y de palmiste producido acá en Zulia, Venezuela.
    Con la intención de hacer jabón con aceite de cocina usado, acá predomina el de soya actualmente, palma y coco. Pienso probar 60-20-20. Lamentablemente no se consigue de ricino.
    Le escribiré un mail para hacerle llegar fotos y me atrevo a pedirle humildemente sus observaciones, estaría honrada de recibir cualquier consejo de su parte.
    Me siento feliz haciendo jabones y estudiando un poco de química, a los 8 años me regalaron un juego grandísimo con mas de 150 experimentos de química para niños y allí me enamoré de ella. Ahora vuelvo a mi primer amor y lo estoy disfrutando mucho!
    Mis saludos y deseos de mucho éxito con sus productos nuevos
    Desde Caracas
    Joanna

  26. Ilmo Sr. Roberto Akira,

    Fazendo uma busca na Internet sobre “artesanato com o uso do plástico”, visando dar fim a cerca de 250 Kg de plástico para embalagem de polpa de frutas, deparei-me com o “site” de sua autoria.

    Fiquei impressionado com o brilhantismo do trabalho que o Senhor tem realizado, aplicando seus conhecimentos de forma metódica, científica e simples e, acima de tudo, desapropriando-se dos fins e dos meios de produção, dos quais o Senhor é detentor, convertendo-os em conhecimento compartilhado sem exigir nada em troca. Trata-se de um tema também de grande interesse para mim, ávido por conhecimento.

    Sou aposentado há 10 anos devido a uma doença grave, tenho hoje 52 anos mas não desistí de viver por acreditar, primeiramente, que a Deus pertence a minha vida e, no momento em que o “saber” não fizer mais sentido para mim, aí a vida acabou.

    Parabéns … e muito obrigado pelo grande serviço prestado à nossa sociedade.

    Nerisvalson C. de Vasconcelos.
    http://www.gestoreficaz.blogspot.com

  27. Olá Sr Akira.

    O que o Sr pode me dizer sobre a gordura de algodão, é possível usar para fazer sabonete?, pergunto pq encontrei num mercado da minha cidade ( Santa Maria). Grato!!

  28. Caro Engº Roberto Akira,
    Muito obrigado pelas suas considerações sobre meu projeto reator, fiquei mais seguro de que posso fazer saboaria utilizando HOT PROCESS,
    obrigado pela sua generosidade, tenho 67 anos aposentado e pretendo ter como hob o artesanato afim de produzir algo que possa presentear pessoas.

    atenciosamente
    Dineo

  29. Sr.akira Olá meu caro amigo vejo que o meu amigo é uma pessoa muito querida de todos, os que visitao o seu blog, só uma pessoa muito boa e um grande ser humano como vs.
    Para partilhar o seu conhecimento com todos nós, eu o ademiro muito.
    Um grande abraço deste seu amigo.
    Alberto Ferreira

  30. Roberto, encontrei seu site pois tenho interesse em fazer sabonete artesanal para ter no mínimo alguma passatempo e com sorte uma fonte de renda (não estou podendo trabalhar devido a uma lesão no joelho), e estou maravilhada com o que vejo aqui. Tanta dedicação, tanta disposição em ensinar.

    Saiba que você é uma pessoa de muita qualidade, por compartilhar tanto conhecimento, por ser humilde, paciente. Essa é a verdadeira riqueza.

    Muito obrigada!

    Espero que, um dia, convivendo com pessoa como o senhor eu possa ser um pouco assim também!

  31. Boa noite! Presado Sr Akira ,Pra mim é uma honra participar de suas páginas e aprender com um conhecedor e experiente profissional como o Srº. Tenho empenhado o máximo q posso em amadurecer idéias e projetos; entao pesquiso bantante tdo q me acrescenta no empreendedorismo; Estava vendo uma palestra de um grande empresário(Abílio Diniz do Pão de Açúcar) e ele fala da falta de referência para jovens empreendedores. Então posso ver o Sr assim; como um líder, uma referência pra nós com conhecimento, mas com muita humildade e respeito aos q querem aprender e ser bem sucedido; são valores q jamais se percam; Obrigada mesmo! Espero aprender muito contigo. Felicidades! Heloiza carmo

  32. Prezado Sr Akira
    Tomei conhecimento dos seus trabalhos pela internet, achei muito importante.
    Percebi que o Sr é uma pessoa muito inteligente e tem boa vontade de dividir seus conhecimentos com os outros. É uma virtude que infelizmente nos dias de hoje a maioria das pessoas não possui. Sendo assim, tomei a liberdade de entrar em contato com o Sr para ver se pode me ajudar.
    Trabalho com produtos de limpeza a muito tempo, na área de produtos líquidos.
    Agora estou tentando fazer sabão em pedra com óleo usado. Tentei várias fórmulas da internet mas, as vezes dá certo e as vezes não. Estou com uma certa quantidade de sabões que não deram certo e agora não sei como fazer para recuperá-los.
    Gostaria de fazer um sabão de boa qualidade e também de aparência.
    De preferencia que também ficasse transparente.
    Os sabões que tenho aqui estão com excesso de soda , estão esbranquiçado e mole. Aquele seu artigo que fala do cálculo para saber a quantidade de soda à ser usada, achei muito interessante, cheguei até a imprimi-lo para tê-lo sempre à mão.
    Se o Sr puder me ajudar, ficarei muito grato.
    Se quiser, pode me responder por email

    Muito obrigado, que DEUS o abençoe.

    • Dirceu,
      Obrigado!
      Difícil recuperar esses sabões se vc não sabe exatamente a composição de qto de óleo e qto de soda vc usou em cada lote.
      Se souber poderia tentar usando o cálculo que vc estudou e imprimiu.
      Isso se chama rebatch e é feito a quente.
      São de óleo usado transparente não é possível fazer

  33. Boa tarde Akira,
    Estou estudando sobre aromoterapia e na minha pesquisa encontrei seu site… confesso… fiquei encantada.
    Quero agradecer essa enorme quantidade de informação que disponibiliza de forma tão clara tão dispreendida.
    Com certeza com a prática surgirão dúvidas, então nos falaremos novamente.
    Gratidão eterna.

    Andreia Simões

  34. Senhor Akira, gostaria de lhe parabenizar pela sua falta de desprendimento e bondade ! Estou para ver ser humano tão fantástico como o senhor !!! Felicidades e tudo de bom na sua vida, estou começando e seu site é fantástico, estou o dia todo vendo seu site e provavelmente vou ficar aqui muitos dias pois tem conteúdos fantástico e muto completos ! Deus o abençoe !!! abraços

  35. Bom dia, Sr. Akira!
    A algum tempo venho acessando seu site quase que diariamente. Quando o descobri, pensei logo, que pessoa maravilhosa deve ser esse Roberto Akira, me deu vontade de o conhecer pessoalmente.
    Sou uma apaixonada por sabonetes naturais e os conheci quando tive um problema de pele (manchas por desidratação) e a dermatologista me receitou os naturais. Depois de pouco tempo comecei a pesquisar e a fazer os meus próprios sabonetes. Claro que me apaixonei! Tenho aprendido muito com vc e estou pretendendo fazer para comercializar aqui na minha cidade (Curitiba), para ter uma renda extra e porque amo fazer novas receitas e ver o resultado. Sempre fiz algum tipo de artesanato mas nunca comercializei, e sou daquelas que nunca consegue ficar parada. Enfim, eu não posso deixar de agradecer vc por toda essa generosidade ao compartilhar seu conhecimento conosco. Acredite, desejo de coração que seja abençoado com muita saúde e paz ! Em breve voltarei para esclarecer dúvidas.
    Sucesso sempre!

  36. Boa tarde Sr. Akira.

    Quero agradecer muito a bela iniciativa de partilhar suas experiências. É desta maneira que construímos um mundo melhor, pois nos tornamos seres humanos melhores.

    Um abraço.

  37. Akira, não consigo mais parar de ler o seu blog… É muito bom! Só cheguei a ele ontem à noite qdo procurava por medidas de moldes de sabão. Eu já fazia sabão de abacate para louça/roupa, pois tenho alguns abacateiros. Mas cada um saía de um jeito e vários oxidaram. Queria descobrir por que e tb queria aprender a fazer o sabão para banho e aí surgiu a oportunidade de fazer um curso da Beth Bacchini agora em abril tratando justamente do uso do abacate em sabões. Ela acertou minha receita, q é praticamente toda de abacate, e estou tentando me acertar com as receitas de ambos – roupa/louça e banho. A última leva (agora de junho) já ficou bem melhor. Estou comprando os equipamentos aos poucos, que ajudarão bastante.Minha ideia é me ater mais aos produtos que tenho disponíveis no sítio onde moro em São Roque: bastante abacate, pinhão e castanha-da-índia (esta de vizinhos). Achei na internet duas receitas desses de pinhão e castanha (tb chamada de bilro) com dicuada, para fazer o sabão preto. Mas não tentei ainda e fico meio desconfiada. Não usa gordura nesses sabões? Penso em usar madeira de sassafrás para a dicuada. Você teria a gentileza de me responder algo a respeito, talvez até uma formulação? Pelo menos do de pinhão? Eu poderia fazê-lo com soda e com óleo de coco virgem, p. ex.? Ah! fomos calouros na Unicamp: eu era da Estatística até 1979, qdo decidi que gostava mais das Letras, curso em que me formei e trabalho quase desde lá na área editorial, hoje como editora autônoma, prestando serviços. Há um grupo no FB, “Unicamp 80″, de q participo; vez em qdo, a gente se encontra. Tô tentando lembrar de vc… se te conhecia… Vc se lembra do Toninho da Física? Ele é super meu amigo até hoje. Bom, voltando… sempre gostei de sabões diferenciados, e tb de perfumes. Então, nos últimos 5 anos, tenho me interessado por produzi-los pra mim, família e amigos. É isso! Muito obrigada!

    • Gisiaine,
      Satisfação e saudações da querida Unicamp!
      Eu não conheço isso de sabão de pinhão e tampouco de castanha da india!
      Se vc me passar mais detalhes posso ver isso sim.
      Sou da turma de 77 da Unicamp, não me lembro do Toninho da Física.

  38. Akira, posso chama lo assim embora que sei que é um mestre doutor dos conhecimentos químicos, bom ter vc como referência.
    Mestre eu gostaria de enviar para ti um sabão pastoso pouquinho é só para vc ver a cor e sua consistência e me dá algumas dicas, estou precisando começar a produzir em casa mas tenho acesso à clientes que compram.Preciso saber como obter a cor e consistência deste material e sua composição o que devo usar para chegar a esse aspecto.
    Entendeu? Então por favor qual endereço que posso te enviar?
    Meu WhatsApp 81-98605-4276

  39. Akira desculpas os erros de português depois é que observei, foi muita pressa e calma que faltou rssssss
    Mas peço sua gentileza neste assunto.
    Amigo obrigado!
    Alekson

  40. Boa tarde.
    Estou encantada com tanta generosidade e carinho com o proximo.Primeiro muito obrigada Segundo
    Estou pesquisando e estudando possibilidades de mudar a minha vida radicalmente.
    Preciso de uma indicacao de curso de saboaria em BH,quero aprender estudar como nao sou daqui e possivelmente ano q vem nao estarei mais aqui quero estudar logo,grata Karla

  41. um amigo me passou o seu contato e resolvi escrever para pedir uma orientação .
    Estou começando um projeto de coleta de óleo aqui em nova Friburgo.
    a maior parte deverá ser vendida para virar biodiesel e uma outra parte será transformada em sabão.
    a receita que tenho leva 1kg de soda cáustica 2 litros de água 5 litros de óleo usado e 3 copos americanos de amaciante de roupa.
    antes de conhecer seus comentários eu achava o sabão que faço maravilhoso .
    Agora preciso saber como acertar esta fórmula pois vou ministrar cursos gratuitos para comunidades aqui de Nova Friburgo.
    Estou também empenhada a criar uma cooperativa para comercializar o óleo que deverá ser coletado em cada bairro de nossa cidade gerando renda para quem se envolve com este projeto.
    desde já agradeço a sua atenção

  42. Olá Sr. Akira!
    Há uns dois anos tenho tentado mudar minha alimentação e meu hábitos para uma vida mais saudável. Esse ano estava refletindo sobre isso e tive a ideia de mudar meus produtos de higiene e cosméticos para produtos 100% naturais, visando a saúde. Comecei a pesquisar marcas desses produtos e que dificuldade! Ou são muito caros, ou só encontro lojas virtuais e nem sempre confio que os produtos sejam 100% naturais de fato. Foi aí que tive a ideia de produzir meus próprios produtos e de alguma forma me esbarrei com o seu site. Que preciosidade! Estou encantada com tanta informação, com conteúdo teórico muito bem explicitado. Essa arte da saboaria me encantou! Estudei o seu site, que ao meu ver é um excelente curso, vários e vários dias. Li as dúvidas dos colegas em comentários (várias vezes) que o senhor pacientemente respondeu uma por uma. Não vejo a hora de fazer meu primeiro sabão! Se me permite enviei solicitação para fazer parte do grupo Saboaria no Facebook. Muito obrigada por compartilhar seus conhecimentos de forma tão enriquecedora!

  43. Olá Sr. Akira.
    Esse ano decidi mudar meus produtos de higiene e cosméticos para produtos 100% naturais, então comecei a pesquisar as marcas para comprá-los e que dificuldade! A maioria delas são mais caras e eu acabo não confiando que sejam 100% naturais de fato. Foi aí que tive a ideia de produzir meus próprios produtos e de alguma forma acabei esbarrando com seu site. Que preciosidade! Fiquei encantada com tantas informações. A arte da saboaria me encantou! Estudei o seu site por vários e vários dias, que a meu ver é um excelente curso! Esta muito bem explicitado e fácil de entender! Li várias vezes as dúvidas dos colegas que comentaram em seu site e que o senhor respondeu pacientemente uma a uma. Se me permite enviei solicitação para fazer parte do grupo Saboaria no Facebook. Não vejo a hora de fazer meu primeiro sabão! Muito obrigada por compartilhar seu conhecimento!

  44. Se Cora Coralina me permitir:

    “Feliz e abençoado! é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina”.

    Tudo de bom Sr. Roberto Akira.

  45. Boa Tarde Sr. Roberto Akira!!! Venho acompanhando seu site e tenho achado maravilhoso, pois o valor do site está na sua pessoa e no seu conhecimento, portanto gostaria de parabeniza-lo pela iniciativa e solidariedade, bondade, carinho e amor com que o Sr. trata e ajuda a todos. Que DEUS o abençoe em tudo, porque o Sr. merece.

  46. Aproveito também para fazer uma pergunta: O sabonete ( no meu caso base glicerinada ) feito no processo could, quantos dias devo deixar para a cura e gostaria de saber se devo embalar o sabonete para curar ou fica exposto ao tempo sem embalagem? Muito Obrigado.

  47. Bom Dia Sr. Roberto Akira!! Desculpe, não formulei bem minha pergunta. Na realidade fiz a base de glicerina que se usa para fazer o sabonete de glicerina e gostaria de saber quantos dias devo deixar para curar antes de embalar em celofane e o PH deu pela fita 11 ou 12, será que ele vai diminuir com o passar dos dias ou esse é o resultado final do PH

  48. O PH eu medi assim que tirei a base de glicerina da forma ( minha base de glicerina é bem comum, com óleo de girassol + gordura vegetal + álcool de posto + lauril + glicerina + calda de açúcar + soda 32% e pela cor do azul ou roxo esta próximo do11, será que ele vai baixar ou vai ficar assim. Hoje faz 2 dias que fiz ( fiz 7 de setembro ) , a barra esta criando uma capa fina e não esta segurando tanto na amo, apesar de ainda esta bem macia, aguardo sua valiosa opinião, muito obrigado.

  49. OK Sr Roberto Akira aqui vai a fórmula:

    700g de banha
    300 ml de óleo de girassol
    100 ml de lauril
    180 ml de glicerina
    350 ml álcool de posto
    200 ml agua filtrada
    350 g de açúcar cristal
    440 ml de soda caustica 32%

    Muito Obrigado mais uma vez pela sua preciosa ajuda!

    • Eu não posso te ajudar, eu não faço base glicerinada, mas essa sua formula é bem estranha por ter banha. Vc colocou essa sua formula numa calculado de saponificação? Está correta a quantidade de soda?
      Também o uso de álcool combustível não é recomendado para fazer sabão, pois o álcool pode estar contaminado por um monte de coisas nocivas por erro de manuseio, armazenagem, transporte etc.

  50. Parabéns peço site e pelas informações dadas com tanta atenção !! Dizem que transmitir conhecimento é uma forma de se tornar imortal aqui. Quanta generosidade! Que Deus lhe abençoe sempre!!!

  51. Roberto, feliz por ler seu site, eu faço sabão em casa e detergente para limpeza para uso de casa, a fórmula que uso(sabão): 5 litros óleo vegetal, 1k soda a 70% e 2 litros de água. Para o detergente limpeza eu uso 2 litros de óleo, 250 g soda, 1 1/2 litro de álcool 100% e 14 litros de água quente e 14 de água fria, não sei se esta formula está correta e saneante.
    E estou querendo fazer sabonete em liquido eu fiz teste com esta base, peguei uns 200 ml e dilui 30 ml de glicerina e coloquei óleo essencial de lavanda francesa, confesso que ficou bom, lavei cabelo percebi que ficou mais hidratado e a pela não ficou ressecada. Lendo os seus post, vi que você fala para não usar o hipoclorito de sódio(soda) em sabão liquido. Queria saber o porque?
    Gratíssima por sua contribuição que é de grande valia.
    Saúde, paz e vida!
    Abraços, Ivone

    • Ivone,
      Normalmente se faz o sabão líquido usando hidróxido de potássio e não o hidróxido de sódio porque o sabão de sódio não é solúvel em água e o de potássio é.
      O que pode acontecer no sabão liquido feito com soda, é uma separação ou gelificação com o tempo. O que ajuda um pouco é o uso de solventes tipo etanol e mesmo a glicerina que vc usou. O melhor é realmente o sabão liquido feito com a potassa caustica

  52. Roberto, boa noite!

    Feliz em encontrar seu site, obrigada por sua generosidade em compartilhar!!
    Realmente você se propõe em colocar em prática a frase da Cora Coralina que usa na sua apresentação, cada vez mais abundância para vc!!

    Gostaria de um indicação, para comprar óleos essenciais não tão fracionados e se possível com valores mais atrativos :)

    Abraço fraterno

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>